Eleições municipais e suas finanças

Hoje, 05 de outubro de 2008. É uma festa da democracia. Eu nasci quando o regime militar já estava quase no fim e não vivenciei a violência, o autoritarismo e a falta de liberdade das décadas de 60 e 70.

Hoje eu fui votar, com total liberdade graças a muitos heróis que sofreram e até morreram para que eu tivesse esse direito. No Brasil, votar ainda é uma obigação. A gente chega lá. Um dia vai ser só um direito que eu exerço se eu quiser.

Mas o que as eleições municipais tem a ver com minhas finanças? Em princípio pode parecer que não tem nada a ver. Vamos ver:

Se o prefeito cuidar bem das finanças da cidade (cumprindo a lei de responsabilidade fiscal (LC 101), a lei orçamentária e outras), minha rua vai receber benefícios, creches e escolas de ensino fundamental poderão ser construídas, ruas calçadas, esgoto sanitário poderá ser encanado e tratado, postos de saúde poderão funcionar, andar de carro nas ruas vai ser tranquilo porque não haverão buracos (os serviços urbanos funcionarão, as ruas ficarão iluminadas, a postura urbana vai ser respeitada.

Se o prefeito cuidar bem da cidade eu economizo. Se ele administrar os impostos direito eu posso até ter abatimento dos impostos municipais (IPTU, o ISS e o ITBI) além de taxas de serviço. Quando a administração pública funciona bem o mercado vai bem, já que sobra mais dinheiro para consumir e investir.

Se o prefeito fizer uma boa política de atração de investimentos, melhora o nível de emprego da cidade e a arrecadação cresce.

Se eu andar nas ruas com tranquilidade e não tiver que gastar muito com segurança e manutenção do carro, posso comprar mais coisas (no nosso caso aqui, podemos investir mais e disponibilizar recursos para quem quizer gastar).

O Brasil teve de criar a Lei de Responsabilidade Fiscal, limites constitucionais de investimento mínimo em saaúde e educação porque não era possível que o bom senso e o espírito público convencesse os administradores a fazer investimentos e a respeitar os limites de endividamento e principalmente de gasto com pessoal.

Se o prefeito de minha cidade conseguir fazer parcerias estratégicas com o Governo Estadual, teremos melhorias no sistema viário intermunicipal, nas escolas de Ensino Médio e na assistência social. Se fizer parcerias estratégicas com o Governo Federal, poderemos ter qualificação profissional, recursos do orçamento da união para diversas áreas. Dessa forma, o caixa fica mais folgado devido às parcerias.

Vereadores, que são muito caros pelo serviço que prestam, também podem ser bons exemplos. No caso, não consigo me lembrar de muitos. Vereador fiscaliza o executivo e legisla. O limite para o vereador legislar é muito estreito. Nos Estados Unidos eles têm o conselho municipal. Agente chega lá.

Porque a polícia e a justiça  não são municipais?

Se o prefeito atuar para aumentar a receita, souber administrar o fluxo de caixa e priorizar os investimentos minha fica bem melhor. Bom voto. Pense nas finanças do município, pense nas suas finanças.

Cléber José de Miranda

Fiz esse post ouvindo uma música lindo do Keane (uma banda britânica muito legal). Tem tudo a ver.

Is It Any Wonder?

I, I always thought that I knew
I’d always have the right to
Be living in the kingdom of the good and true
and so on

but now I think how I was wrong
And you were laughing along
And now I look a fool for thinking you were on, my side

Is it any wonder I’m tired
Is it any wonder that I feel uptight
Is it any wonder I don’t know what’s right

Sometimes
It’s hard to know where I stand
It’s hard to know where I am
Well maybe it’s a puzzle I don’t understand

But sometimes
I get the feeling that I’m
Stranded in the wrong time
Where love is just a lyric in a children’s rhyme, a soundbite

Is it any wonder that I’m tired
Is it any wonder that I feel uptight
Is it any wonder I don’t know what’s right
oh, these days
After all the misery you made
Is it any wonder that I feel afraid
Is it any wonder that I feel betrayed

Nothing left inside this old cathedral
Just the sad lonely spires
How do you make it right

Oh, but you try
Is it any wonder I’m tired
Is it any wonder that I feel uptight
Is it any wonder I don’t know what’s right
oh, these days
After all the misery you made
Is it any wonder that I feel afraid
Is it any wonder that I feel betrayed

Veja no YOUTUBE: http://br.youtube.com/watch?v=ucODEFzaVpY


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s